domingo, 30 de agosto de 2009

Dia dos pais

Mais uma vez estou atrasada nas minhas postagens, mas é porque a vida continua além do scrapbook não é moçada? É sim, senhora! Pô, eu também tenho direito a uma churrascada pra comemorar um aniversário, ir ao cinema ver um filme italiano, agradar o noivinho preparando um fondue delicioso, ler meus livros, fazer a lição de casa do curso de patchwork (isso mesmo! Breve!), me alongar no pilates e perder calorias no jump e na corrida... Gente, minha vida é agitada!! Hahahaha!! E ainda eu tenho que fazer as encomendas que estão pingando cada vez mais! Daqui a pouco vou dar um pé na bunda no trampo! Seria bom viver assim.

Mas vamos ao que interessa. Esse LO eu fiz para o DSM, especial dia dos pais. A proposta para o Time criativo era criar alguma coisa relacionada a esse tema e explicar como foi feita. Eu fiz um LO artesanal, só pra variar, hahahaha!! Porém, o que chamou mais atenção foi a história desse LO, que emocionou muita gente. Por isso, foi registrar na íntegra o texto que postei lá.

Meu pai morreu quando eu tinha 5 anos. Tenho poucas lembranças dele, mas eu jamais posso reclamar de falta de amor e carinho e uma dessas pessoas que deu tudo isso e me ensinou muitas coisas foi o meu tio. Ele também tinha que ter um LO só pra ele.

Antes de contar como foi que nasceu essa página tenho que falar sobre o apego que a gente tem com os papéis. A gente compra tantos papéis lindos e depois fica com pena de usar o bichinho. Vou confessar que eu era assim também, mas depois que descobri que uma combinação de cores e papéis podem traduzir nossos sentimentos, a felicidade vem em dobro no final quando eu olho pro LO pronto. Por isso, não tenha medo.Agora chega de lerolero.Pra mim, o começo de um LO é a foto. O próximo passo é recorrer a minha pastinha de LO inspiradores. Dou uma geral e vou caçando uma ideia daqui, outra dali e vou fazendo meu próprio layout na cabeça. Eu meio que parei de fazer sketches cheios de detalhes, porque sempre sai diferente. Eu só faço um rascunho da ideia crua pra não esquecer mais tarde.

Hora de escolher a quantidade de fotos. Tenho dificuldade em usar várias fotos, por isso estou praticando mais, fazendo mais LO com mais de uma foto. Resolvido isso, me pergunto: qual sentimento eu quero passar? Escolho uma trilha sonora, relaciono o momento que está na foto com o sentimento que tenho por determinada pessoa e o que ela me transmite. Pronto! No caso dessa foto, respondo: alegria colorida.

Escolho cores fortes e alegres como o vermelho e o verde para base do LO. Depois é só procurar nos papéis. Faço outras combinações como o amarelo e o azul. Para dar mais destaque no amarelo, eu ainda pintei as bordas da flor com lápis aquarelável amarelo e laranja.

Para esconder o journaling, antes de colar o papel azul eu fiz um corte com estilente rente e coloquei-o. Prendi com esses trequinhos verdes que não sei o nome, hahaha! Assim o journaling não fica "dançando".

E para destacar a borda do papel verde, eu usei uma caneta branca e reforcei suas curvas para a cor não "morrer".Espero que tenham gostado!
Mais dicas: as folhinhas, a nuvem, o miolo da flor e o papel azul atrás da árvore eram só retalhos!! Por isso, em matéria de scrap, não desperdice nadinha! Outra coisa, tem papéis de bolinhas, de listras, de coração, mas também tem papéis que são compostos de "margens". São várias tiras diferentes que você também pode compor um cenário no seu LO. No meu caso, eu usei uma dessas tiras abaixo da foto para dar sustentação aos outros elementos que eu coloquei em cima, como as casinhas, a bola e os carrinhos.
Esse foi o relato, mas vale a pena lembrar que essa homenagem é para uma pessoa que sempre deixava 20 pacotinhos de figurinhas todas segundas-feiras, que me levou no meu primeiro jogo do Corinthians, que deixava eu brincar com o cabelo dele, que fazia pipoca, que coloca trocentas vezes o vídeo do USA for Africa (aquela do we are the world, we are the children) e que ia me buscar no ponto de ônibus quando eu chegava tarde da facu.
Será que seu mandar essa história pro Mastercard, vira propaganda?


Nenhum comentário:

Pin It button on image hover