sexta-feira, 30 de abril de 2010

Minhas páginas

Depois de chegar do cinema, Woody Allen nunca me decepciona, fui correndo ver o resultado do Creative Team. Não fui a vencedora, mas não vou deixar de fazer scrapbook por isso, porque o prazer pela essa arte continua. Agora mostro a todos, meus projetos escolhidos pelo time.
















O meu sorriso diz que valeu a pena! Obrigada por todas que torceram por mim, que me incetivaram por email (Chris, Aline, vocês tem um lugar reservado no meu coração!) e que me acompanham, seguindo esse espaço. Espero contribuir com um pouquinho de inspiração a cada visita, a cada acesso. E vam'bora!

terça-feira, 27 de abril de 2010

Os projetos não selecionados

Quando se resolve participar de um concurso como do Creative Team muita pesquisa é feita, é preciso dedicação para não perder o rebolado, as ideias mudam de lugar várias vezes, mas o mais importante é se divertir com tudo isso.
Como não havia uma quantidade de projetos para enviar para o concurso, eu acabei enviando 7, sendo que três foram selecionados. Aqueles que ficaram de fora, eu revelo agora

O primeiro é um altered. Um porta-retrato fuleira que eu comprei por 2,50, mas que já vinha com uma mão de tinta branca. Não era tão fuleira assim. Hahahaha! Eu passei uma camada de gesso e depois misturei tinta acrílica verde, marrom e umas gotinhas de gesso.

Essas flores são chipboards com uma camada de craquelê. Adoro esse efeito!

A princípio, o porta-retrato não teria foto. A foto em questão seria usada para fazer uma página, mas acabou entrando no último minuto do segundo tempo porque desisti de fazer o Lo devido à problemas de criatividade.
Usei basicamente retalhos de papéis Webster Pages. Borrifei o fundo com tinta spray marrom e apliquei renda, flores prima e papel de seda.

As flores amarelas também são de papel de seda e deu um toque mais pessoal.


A página abaixo é uma homenagem aos Natais que ocorreram ao longo dos meus 31 anos.

Procurei dar um ar leve como se a página flutasse em suas cores. Por isso usei muita sobreposição, retalhos de papéis e fita banana para dar relevo.

Acho que os detalhes são marcantes nessa páginas.

Levei mais de 4 horas para confeccioná-la.

Apesar de não ter sido selecionada, foi uma das páginas mais trabalhosas que já fiz.

Vendo pronto assim, parece que foi até fácil, mas foi um trabalho árduo que demandou planejamento. É como fazer um poema.


Nas palavras de poeta João Cabral de Melo Neto:
[...]
"Catar feijão se limita com escrever:
Jogam-se os grãos na água do alguidar
E as palavras na da folha de papel;
e depois, joga-se fora o que boiar.
Certo, toda palavra boiará no papel,
água congelada, por chumbo seu verbo;
pois catar esse feijão, soprar nele,
e jogar fora o leve e oco, palha e eco."
[...]

Fazer scrap é uma forma de arte: minha ou a sua arte.

Quando faço scrap, há um processo que Drummond, meu querido poeta mineiro, explica melhor do que eu. Nesse trecho do poema, ele define o fazer poético, mas pode ser facilmente adaptado para o modo como a gente faz scrap.
[...]
"Penetra surdamente no reino das palavras.
Lá estão os poemas que esperam ser escritos.
Estão paralisados, mas não há desespero,
há calma e frescura na superfície intata.
Ei-los sós e mudos, em estado de dicionário.

Convive com teus poemas, antes de escrevê-los.
Tem paciência, se obscuros. Calma, se te provocam.
Espera que cada um se realize e consume
com seu poder de palavra
e seu poder de silêncio.
Não forces o poema a desprender-se do limbo.
Não colhas no chão o poema que se perdeu.
Não adules o poema. Aceita-o
como ele aceitará sua forma definitiva e concentrada
no espaço."
[...]

A lata acima estava recheada de chocolate francês, que por sinal, é bem ruinzinho! Depois do grande esforço pra comer tudo, eu aproveitei a embalagem para guardar alguns carimbos.
Fazia um tempão que queria alterá-la, mas a única motivação que tive para enfeitá-la foi para o concurso.

Eis como ela ficou!

Esse galho foi feito com papel mesmo. Cortei uma tira, molhei um pouco e retorci. Depois usei o secador de emboss pra secá-lo.

O wall hanger é de acrílico.

Usei rub-ons, flores Prima, tinta em spray rosa na tag e tinta acrílica.

Um ar bem romântico e inocente!

E para terminar, 3 sneaks das páginas quer foram selecionadas.

Ficou curiosa? Quer saber mais?

É só passar lá blog do Creative Team!

E torçam por mim! O resultado sai dia 30/04!

domingo, 25 de abril de 2010

Finalista - Concurso Creative Team

Ainda não coloquei os pés no chão! Estou entre as finalistas do concurso do Creative Team!!! São 11 no total e apenas uma vaga! Passem lá para dar uma olhada nos trabalhos e nos meus! E votem em mim!!! Hahahahaha!!

domingo, 18 de abril de 2010

De volta com muitos projetos

Quantas paixões será que cabem dentro do meu coração? Fiquei um tempão sem atualizar o blog, mas outras coisas que amo fazer e muitas pessoas que merecem atenção também precisam de carinho, além do scrapbook.
Durante a ausência, eu li a biografia fabulosa da Clarice Lispector. Às vezes, eu me assusto. Será possível você amar uma pessoa que nunca conheceu? Será possível você considerar uma pessoa amiga só pelo que ela escreve? Ela sempre está no meu caminho, salvando minhas dúvidas na hora que mais impressionante. Essa é minha relação com Clarice! Um jeito único de compreender quem eu sou e como vivo!

Nesse meio termo, o Franz Ferdinand fez mais um show inesquecível!

Precisava sentir a multidão em uma voz!

Se a felicidade persiste só em alguns instantes, eu a encontrei dentro da surpresa musical.

Aqui tem um vídeo que eu gravei de umas músicas mais sexys e dançantes dos últimos anos!
Embaixo, a Ana Cláudia, que trabalha comigo me pediu um cartão para dar de aniversário para sogra.

Totalmente personalizado com a foto da vovó e a netinha.

O Lo a seguir é da Lari. Eu me inspirei nela para fazer a minha página para o Scrap Squad Girls.
O desafio era se inspirar em uma scrapper que você admira e seguir o máximo o estilo dela.


As próximas fotos são o resultado de uma brincadeira que participei no fórum da Yummy's.
O lance era o seguinte: primeiro foram sorteadas duplas. Eu fiquei com a Dri. Ela me mandava uma página inacabada e eu tinha que terminar pra ela.

Eu quase surtei quando recebi! Fiquei desesperada, não sabia como terminar. Eis que um belo sábado de sol, passeando pelos meus papéis encontrei a solução. O resultado foi esse:



Todo cartão eu estou querendo usar os carimbos Magnolia! Esse aí eu fiz pra minha amiga Cecília que fez aniversário em março.



O bloquinho eu fiz para o papai André, que semana que vem vai embalar o tão aguardado Felipe.

O cartão sanfona foi para a Flávia.


E o cartão estilo oriental, foi para uma Vírginia, que, pasmem, fez aniversário em fevereiro!! Aliás no mesmo dia que eu. Fevereiro! Pra notar como esse blog entrou em recesso por meses.



Estou com vários los e outros projetos pra postar, mas ainda é tudo, quase, segredo! :o)
Pin It button on image hover