segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Curso de fotografia

Olha eu aqui sobrevivendo a segunda semana de Project365.

Dia 7
Agora eu tenho uma motivação extra, porque comecei, finalmente, a realizar um desejo, o primeiro de 2013.  Me matriculei em um curso de fotografia! Gente, vocês não têm noção de quantos detalhes eu aprendi durante esses primeiros dias de aula! 
Realmente, valeu a pena esperar todos esses anos! Eu sempre pesquisei vários cursos e nunca me decidia por qual fazer. Foi então que a Katinha me indicou a Duo Foto Clube. Pronto! Me apaixonei pelo método e pelos professores. Não é aquele curso engessado, tipo faculdade. É light, espontâneo, sincero e sensível. Tudo que eu jamais esperava. Tudo que eu precisava. Indico!
Dia 8
Estou aprendendo coisas que para mim pareciam certos e estavam totalmente erradas, novidades fresquinhas, mas o principal é que me devolveram a inspiração e a motivação. 
Dia 9
O que me deixou mais feliz foi o resultado das minhas fotografias logo na primeira lição de casa. No geral, elas foram bem elogiadas, a profe soltou um palavrão e tudo. E como fui um pouco abusada e cara de pau, resolvi levar umas fotos antigas para minha professora analisar, pra ver se eu já eu não fazia muita besteira desde antes. 
Dia 10
Eis que a profe caiu matando a pau,  no ótimo sentido. Mas aí ela soltou que talvez eu poderia ficar uns 3 meses sem fazer aquele tipo de foto, porque a gente começa a aprender a parte técnica da coisa e tudo fica embaçado. Cá entre nós e sem querer puxar a sardinha para meu lado, isso pode até acontecer, mas duvido. Posso lá ter meu momento "falta de inspiração" um ou outro dia, mas 3 meses, acho muita coisa.
Dia 11
Assim como escrever, fotografar é uma atitude de sensibilidade que carrego há muito tempo dentro de mim. Eu podia não entender as razões técnicas de uma fotografia, mas a entendia sentimentalmente. Era é essa minha maneira de estudá-la. 
Dia 12
Até hoje tenho duas latas cheias de recortes de fotografias que, de alguma maneira, me chamavam atenção. Às vezes, me recorro até elas quando dou uma travada. Então me recordo das histórias e suas saudades e estou pronta para fotografar novamente.
Dia 13
É claro que sempre vai dar um frio na barriga quando entrego novas fotos para ser analisadas, mas sei que sempre estou tentando absorver o máximo para chegar ao ponto da perfeição. Se é que ela existe.
Beijo e uma ótima semana.

2 comentários:

Georgia Visacri disse...

olha só que orgulho, Regi! É pra ficar muito feliz mesmo com um feedback desses! Suas fotos são ótimas e com a prática e aprendizado, vão te deixar ainda mais contente com os resultados!

Vou até olhar o link da escola, sempre curto fazer aulas de fotografia quando possível!

Beijos e parabéns, fico muito feliz que você tenha encontrado um curso bom de fazer e esteja aproveitando ao máximo ;-)

Claudinha Antunes disse...

Minha Japa linda e abusada!
You rock, Baby!!
Eu, na condição de cobaia preferida, posso falar com convicção que você tem o que é mais importante num artista: ALMA! E mais, consciência dela!
Estou na torcida para que você alcance, mais que a perfeição, a satisfação de estar colocando sua verdade em tudo que você faz. Sei, como aquariana que também sou, que nada traz mais êxtase a nossas vidas que poder viver conectado com essa verdade.
Beijos com o amor que você já conhece...

Pin It button on image hover